Eduardo Haesbaert

Voltar à lista
  • Desabamento
    Pastel seco sobre papel
    Peça única
    214 X 150 cm
    2017

  • Tubo de Ensaio
    Pastel seco sobre papel
    Peça única
    229 X 152 cm
    2017

  • Papyrus
    Pastel seco sobre papel
    Peça única
    230 X 150 cm
    2017

  • Desumano
    Pastel seco sobre papel
    Peça única
    150 X 255 cm
    2017

  • Vermes
    Pastel seco sobre papel
    Peça única
    140 X 190 cm
    2017

  • Afogamento
    Pastel seco sobre papel
    Peça única
    150 X 260 cm
    2017

  • Escombro
    Pastel seco sobre papel
    Peça única
    100 X 150 cm
    2017

  • Rasgado
    Pastel seco sobre papel
    Peça única
    75 X 110 cm
    2017

  • Paisagem
    Pastel seco sobre papel
    Peça única
    75 X 113 cm
    2017

  • Corte Seco
    Pastel seco sobre papel
    Peça única
    113 X 113 cm
    2016

  • Escora
    Pastel seco sobre papel
    Peça única
    156 X 152 cm
    2017

  • Inacabado
    Pastel seco sobre papel
    Peça única
    75 X 106 cm
    2017

  • Degraus
    Pastel seco sobre papel
    Peça única
    150 X 150 cm
    2016

  • Isto É um Cachimbo
    Pastel seco sobre papel sobre tela
    Peça única
    50 X 50 cm
    2017

  • Sem título
    Pastel seco sobre papel sobre tela
    Peça única
    50 X 50 cm
    2017

  • Escorregador
    Pastel seco sobre papel sobre tela
    Peça única
    50 X 50 cm
    2017

  • Espelho Negro
    Pastel seco sobre papel
    Peça única
    152 X 200 cm
    2017

  • Escada Sanguínia
    Óleo e pastel seco sobre tela
    Peça única
    50 X 50 cm
    2015

  • Fotograma
    Óleo e pastel seco sobre tela
    Peça única
    100 X 100 cm
    2015

  • Sem título
    Técnica mista sobre papel
    Peça única
    180 X 150 cm
    2007

  • Sem título
    Técnica mista sobre tela
    Peça única
    157 X 157 cm
    2011

  • Sem título
    Técnica mista sobre tela
    Peça única
    95 X 212 cm
    2011

Currículo
Faxinal do Soturno, Brasil, 1968.
Coordenador do acervo e do ateliê de gravura da Fundação Iberê Camargo, onde desenvolve o "Programa Artista Convidado" com a participação de artistas nacionais e internacionais convidados para experimentar a gravura em metal, desde 1999.
Foi assistente de Iberê Camargo, trabalhando como gravador e impressor de suas gravuras entre 1990 e 1994. 
Entre as exposições individuais do artista, destacam-se: Negro de Fumo (Galeria Bolsa de Arte, São Paulo, 2015), Anotações de Uma Obra Depois das Cinco (Fundação Ecarta, Porto Alegre, 2014), Última Cena (Galeria Bolsa de Arte, Porto Alegre, 2011), Próximo Plano (Pinacoteca da Feevale, Novo Hamburgo, 2011) e Trabalhos Recentes (Galeria Bolsa de Arte, Porto Alegre, 2007).
Participou de diversas mostras coletivas, entre elas Do Ateliê ao Cubo Branco, no MARGS, Porto Alegre, 2011 e O Triunfo do Contemporâneo, no Santander Cultural, Porto Alegre, 2012.
Suas obras fazem parte do acervo do Museu de Arte do Rio Grande do Sul Aldo Malagoli (MARGS) e do Museu de Arte Contemporânea do Rio Grande do Sul (MAC/RS).
Durante sua trajetória de artista recebeu os seguintes prêmios: VI Prêmio Açorianos de Artes Plásticas - Secretaria Municipal da Cultura de Porto Alegre – Melhor Exposição Individual 2011 (Última Cena), menção honrosa no VI Salão de Pintura da Cidade de Porto Alegre (1995), Prêmio Especial do Júri pelo Conjunto da Obra no II Salão Victor Meirelles de Florianópolis (1994), Primeiro Prêmio no 16º Salão de Artes Plásticas da Associação Chico Lisboa (1993), Prêmio Secretaria da Cultura do Paraná no 49º Salão Paranaense(1992) e Prêmio Brasília de Artes Plásticas no 12º Salão Nacional de Artes Plásticas (1992) .